sábado, 4 de dezembro de 2010

#MemeDasAntigas - Meu site/blog preferido em 2010

Esse é meu blog preferido em 2010, Mamíferas. Nele me encontrei como mãe e como mulher. Nele encontrei o consolo que precisei por tantas vezes, quando estava sozinha na frente do monitor e precisando de uma palavra salvadora! Esse blog é fantástico, mulheres reais, fortes... Para mim, Deusas!!!!!

#MemeDasAntigas

Beijos

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

#MemeDasAntigas - Meu filme preferido em 2010



Puxa, assisti tantos filmes este ano! Dei um bom lucro para a Blockbooster.
Mas o que mais me marcou foi Lembranças.
é um filme bonito, um drama que nos faz pensar que a vida é feita de momentos e que cada um deles deve ser aproveitado como se fosse o último (sem clichês!).

Beijos

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

#MemeDasAntigas - Mas 2010 ainda não acabou, ainda vou tentar...


...O que foi mais difícil para mim em 2010 foi organizar meu tempo, minha casa, minhas contas, meu blog... TUDO!
Estou tentando e vou continuar tentando, nestes vinte e poucos dias que restam em 2010, organizar minha vida! As co
ntas já estão "praticamente" em ordem. Falta todo o restante!
Ahhhhh... Também vou tentar terminar de ler "Casais Inteligentes Enriquecem Juntos" e fazer minhas listas, porque o que mais li neste ano foi que as listas nos ajudam a organizar a vida e fazer tudo que tem que ser feito!
Isso aí, bora curtir esse finalzinho de 2010, porque ainda não acabou!
#MemeDasAntigas








Beijos

Quer saber mais sobre o refluxo em bebês?


Há menos de uma semana tivémos o diagnóstico de refluxo oculto na Alice. Ela chora muito, e comecei a perceber que depois de mamar ela fica inquieta. Enfim, estamos tratando com medicamento e amor. Mas não é fácil, o choro dela é forte e já me peguei diversas vezes chorando com ela!
Como não sabia nada sobre o refluxo, pesquisei e resolvi postar a respeito!
O refluxo é uma falha no funcionamento das válvulas do esôfago, que impedem o retorno do leite. Essa falha (falando a grosso modo) permite que o leite volte até o esôfago ou até a boca, provocando vômitos.
Alguns bebês convivem bem com o refluxo, sem nenhum desconforto. Porém, outros apresentam certo incômodo, pois o retorno do leite provoca azia no bebê, fazendo com que ele não consiga mamar tudo o que precisa.
As formas de detectar o refluxo é observando se o bebê regurgita a cada mamada, se ele sente incômodos após as mamadas, se o bebê chora demais, ganha peso insuficientemente...
O tratamento pode ser feito, nos casos de incômodo do bebê, por medicamentos antiácidos, aliviando a azia do bebê. Em casos mais sérios, o pediatra pode encaminhar o bebê para um gastroenterologista para utilizar outros medicamentos.
e o leite materno é, sem dúvida, um aliado, por ser hipoalergênico e de fácil digestão. Uma solução seria o bebê mamar várias vezes, sem encher o estômago, evitando o reflluxo.
No caso da Alice, demoramos para suspeitar do refluxo, porque ela não regurgita, ganha peso muito bem, só chorava demais e era um choro dolorido, sem vômitos. Por isso, refluxo oculto.
À medida que o bebê cresce, as válvulas do aparelho digestório do bebê amadurecem e começam a funcionar adequadamente, e o refluxo desaparece. Ou seja, temos que dar tempo ao tempo! Logo, logo minha gatinha não precisará mais de remedinhos e ficará super bem, sem refluxo!
É isso, refluxo não é nenhum bicho de sete cabeças. É incômodo, mas passa!

Beijos