terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Verdade! Eu não sou perfeita!

Depois de 12 dias de merecidas "férias" - não, mãe não tem férias, tem momentos de descanso! - voltei para a loucura do dia a dia e da cidade grande.
Praia com a família. Como é difícil se relacionar com pessoas que tem visões e conceitos tão diferentes. Mas ao mesmo tempo é enriquecedor. Exercitar o poder de respeito a opinião dos outros, a paciência e encarar as críticas de forma construtiva (não que elas tenham vindo com essa intenção :/).
Pela primeira vez consegui delegar os cuidados das minhas filhas. Ahhhh, dormi até tarde e deixei que os tios e tias se esbaldassem de brincar/cuidar/atender as minhas molecas. Lógico que vieram cheios de "você não ensina!" ou "Você não faz!"... Normal né, vindo de quem pensa de forma completamente diferente de mim.
Foi bom, muito bom deixar de ter o controle de tudo. Foi muito bom ter um momento meu, tomar banho relaxada, sabendo que tinha quem cuidasse para mim. E perceber que, ninguém precisa cuidar como eu cuido. Que essas diferenças é que são a magia, com os tios e tias é de um jeito, com a mãe é de outro, e com a vó e o vô é de outro! Lindo isso! Não tive avós para saber como era na casa da vó. E adoro ver essas diferenças com as meninas.
O resultado desses dais todos de bajulação e desejos realizados prontamente foi que ontem a Dani estava super carente. Chorou que queria a vó, chorou que queria o vô, chorou que queria o pai! Haja argumento para tanto chororô!
Mas é assim... Não sou uma mãe perfeita, mas modestamente, estou na lista das 100 mais!
rsrsrs

Nenhum comentário:

Postar um comentário